BrasilOcorrências

Mulher traída corta o pênis do marido, joga no vaso e dá descarga

À polícia, a mulher de 34 anos confessou que cortou o órgão genital do marido, jogou no vaso e deu descarga. Ela cometeu o crime após ter descoberto que o homem a traiu com a sobrinha dela, de apenas 15 anos.

Na madrugada desta sexta-feira (22/12), uma mulher de 34 anos entregou-se à polícia de Atibaia (SP) e confessou ter cortado o pênis do próprio marido após descobrir uma suposta traição dele com a sobrinha dela, de apenas 15 anos. De acordo com informações registradas no boletim de ocorrência, a mulher relatou à polícia que descobriu a traição no dia do aniversário dela. A revelação teria sido um golpe emocional, levando-a a cometer o ato extremo.

Após a descoberta, a mulher esperou o marido chegar em casa e iniciou uma relação sexual com ele. Contudo, em um momento de intensa emoção e raiva, ela disse ter cortado o órgão genital do marido. Posteriormente, alega ter jogado o membro no vaso sanitário e acionado a descarga.

Na delegacia, a mulher se apresentou espontaneamente e confessou o crime. “Boa noite, moço. Eu vim me apresentar porque eu acabei de cortar o pênis do meu marido”, disse ela à polícia.

Após ter o órgão genital mutilado, a vítima saiu em busca de socorro e encontrou-se com o irmão dela. Este relatou à polícia que ouviu os gritos desesperados do cunhado e que o homem dirigiu-se a pé até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) local em busca de atendimento médico. Durante a madrugada, ele foi transferido para o Hospital Universitário São Francisco (Husf).

O caso está sendo investigado pelas autoridades locais, e a mulher poderá enfrentar acusações relacionadas à agressão. O crime ocorreu no bairro Cerejeiras 3, em Atibaia, interior de São Paulo.

Please follow and like us: