EntornoOcorrências

PCGO prende em hospital investigado por tentativa de feminicídio

A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia Especializada de Atendimento a Mulher de Iporá – 7ª DRP e da Delegacia Estadual de Atendimento Especializado à Mulher, prendeu, nesta quinta-feira (28), um homem, de 51 anos, após tentar matar a esposa, com quem foi casada por 30 anos. O crime aconteceu no dia 16 de dezembro.

De acordo com a investigação, o autor foi até a fazenda da vítima em Iporá, na noite de 15 de dezembro, desligou o padrão de energia, esperou do lado externo durante a noite e atacou a esposa ao amanhecer. O investigado tentou atirar na vítima várias vezes, mas a arma falhou. Em seguida, a agrediu causando várias lesões.

Em seguida o suspeito fugiu para os fundos da fazenda e foi encontrado pela Polícia Civil de Goiás ferido após tentar ceifar sua própria vida. O autor recebeu atendimento médico de emergência em Iporá e foi encaminhado no mesmo dia para o Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira, em Goiânia.

A autoridade policial representou pela prisão preventiva do investigado para a garantia da vida da vítima e das medidas protetivas. Com a expectativa de alta médica em breve, deu-se cumprimento ao mandado de prisão para que ele já fique sob escolta prisional e depois seja imediatamente recolhido ao presídio.

O investigado responderá pelos crimes de feminicídio tentado, descumprimento de medidas protetivas e porte ilegal de arma de fogo, com pena de até 24 anos de prisão.

Please follow and like us: